A identidade separa os iguais dos diferentes

(Foto: Pixabay)

A identidade separa os iguais dos diferentes. Com esse princípio criou-se o conceito de nacionalidade para identificar uma nação, uma etnia, uma língua e também uma cultura.

Civilidade e Justiça são valores que serão assimiláveis quando o direito individual se submete ao direito coletivo.

A velhice é maturidade, uma sabedoria experiente e acumulada (do latim maturitas, maturitate = Idade adulta).

A mulher, com independência e domínio do seu corpo traça o seu destino.

Na Idade Média o limite do ser humano era sua capacidade física de manejar a espada e o arado. Esse período entre a dissolução do Império Romano no século V e a tomada de Constantinopla pelos turcos no século XV foi assinalado pelo triunfo do Cristianismo.

Na África, a velhice é considerada a idade da plenitude e deve ser respeitada e honrada. Não é só um evento cronológico, mas, sobretudo, uma condição cultural. A imagem padronizada que se tem da velhice é que começa sutilmente com algumas rugas, cabelos brancos, calvície, lapsos de memória, necessidade de óculos, discreta perda de audição, menos horas de sono e fôlego curto. Há os que desafiam os estereótipos sobre as limitações culturais do envelhecimento e se revelam cheios de vigor e apego à vida. Há também quem reconheça a velhice como a Idade da Sabedoria. Para o folclore, a velhice é a Idade do Metal: prata no cabelo, ouro nos dentes e chumbo no pênis.

Idade, Sexo e Tempo – obra de Alceu Amoroso Lima que analisa a vida na infância, puberdade, mocidade e velhice, numa antevisão das tendências e reações compatíveis com a idade e sexo de ser humano. Livro que o próprio Alceu julgou, em 1938, mais importante e autobiográfico.

A música é dom de nascença e a terceira geração da família. Agora e com 85 anos é a ilusão de não ser esquecido…

Fonte: Mário Albanese

COMPARTILHAR
Luiz Fernando Magliocca (Luiz FM) é radialista, jornalista, redator e professor universitário. Tem 47 anos de profissão e ainda não desistiu: continua amando o que faz!