Europa – cada país tem opção pela agricultura limpa

Enquanto a Dinamarca promove – por lei – apenas agricultura orgânica em seu território, a Escócia anuncia que vai proibir o cultivo de produtos geneticamente modificado.

O ministro dos Assuntos Rurais da Escócia, Richard Lochhead, justificou a medida com base na regra européia que cada país pode recusar as culturas geneticamente modificadas autorizadas pela União Europeia. O ministro disse que a Escócia quer manter suas terras verdes e limpas. O setor de alimentos e bebidas escocês vale 14 milhões de libras.

organicos31-e1429700063523

Na Dinamarca, com todas suas instituições, da educação à agricultura, até 2020 o país vai se transformar em uma região livre de agrotóxicos. Serão privilegiados os produtores que quiserem investir na conversão de suas terrasda agricultura convencional para a orgânica e biodinâmica e os projetos que visem o desenvolvimento de novas tecnologias para a promoção da sustentabilidade no campo. Na Dinamarca, alimentação saudável é assunto de estado.

É uma questão de opção. A população desses países acredita que fizeram a opção certa para o presente e o futuro.